Autenticação






Março 2017

Apresentação da Fundação ‘Oceano Azul’

Apresentação da Fundação ‘Oceano Azul’Teve lugar na manhã de 17 de Março, no Convento do Beato, a apresentação pública da Fundação ‘Oceano Azul’. Esta Fundação foi criada, recentemente, pela família Soares dos Santos, proprietária da cadeia de Supermercados “Pingo Doce”, referindo-se na “carta do Fundador” que ... o maior desafio da nossa geração é garantir que o planeta que deixamos à nossa descendência é mais sustentável e resiliente do que aquele que temos hoje. Os oceanos são o fator-chave desse legado ... o século XXI será o século dos oceanos.

A cerimónia iniciou-se com a projeção de um curto filme, muito inspirador, acerca da necessidade de ouvir os oceanos e de promover a sua preservação e utilização sustentável. Seguiu-se uma intervenção de José Soares dos Santos, Presidente do Conselho de Curadores da Fundação e biólogo marinho de formação, a que se seguiu uma muito interessante mesa-redonda, conduzida por Tiago Pitta e Cunha, Presidente da Comissão Executiva da Fundação e com a participação da Princesa Laurentien van Oranje-Nassau, Jane Lubchenco e Nuno Vieira Matias, curadores, e de Julie Packard e Viriato Soromenho-Marques, consultores especiais do Conselho de Curadores. Encerrou os trabalhos o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, que agradeceu em nome dos Portugueses a generosidade da família Soares dos Santos, enalteceu a importância da Fundação e dos seus propósitos, e anunciou o seu desejo de condecorar, oportunamente, o empresário e filantropo Senhor Alexandre Soares dos Santos. O evento terminou com um agradável almoço volante que permitiu a confraternização entre as cerca de quatro centenas de pessoas que assistiram à cerimónia.

A Fundação assenta em três pilares: a literacia oceânica - preparar uma ‘geração azul´ através de programas educativos para crianças em idade escolar; a conservação do oceano - proteger, valorizar e promover o nosso capital natural azul, apoiando as áreas marinhas protegidas; e a capacitação, promovendo uma governação integrada dos oceanos com base em princípios éticos e enraizada no conhecimento científico. A Fundação, embora esteja sedeada em Portugal, visa um alcance mundial, global. O Conselho de Administração, de que Tiago Pitta e Cunha será o CEO, terá um orçamento mínimo anual de 5,5 M€, que incorpora como3854 contributo o rendimento do Oceanário de Lisboa e que passará a ser gerido pela Fundação. O Oceanário - recorde-se - em 2016, teve mais de 1,25 milhões de visitantes, 109.000 crianças foram abrangidas por programas educativos e realizaram-se investimentos de 1,6 M€ em infraestruturas e áreas circundantes.
Ler mais/Fonte: revistademarinha.com

 

Porto de Lisboa ganha um dos maiores eventos de cruzeiros do mundo

Porto de Lisboa ganha um dos maiores eventos de cruzeiros do mundoO Porto de Lisboa venceu a organização da Seatrade Cruise Med, uma das maiores feiras de cruzeiros do mundo. A notícia foi dada esta sexta-feira, 17 de Março, pela Ministra do Mar, Ana Paulo Vitorino, durante a sessão de apresentação da estratégia para o aumento da competitividade portuária, realizada no Porto de Lisboa.

A Seatrade, após avaliação das condições da capital portuguesa para receber o prestigiado evento considerou Lisboa a cidade ideal para a realização da sua 12ª edição, que ocorrerá em Setembro de 2018, e pela primeira vez em Portugal. A candidatura do Porto de Lisboa foi apoiada pelo Ministério do Mar, pela Câmara Municipal de Lisboa, pelo Turismo de Portugal, pela Associação Turismo de Lisboa e pela Lisbon Cruise Terminals.

A Seatrade Cruise Med é um evento bienal de dois dias e meio muito focado no Mediterrâneo e nos seus mares adjacentes, o segundo destino mundial de cruzeiros. Expositores de todo o mundo, incluindo várias novas empresas de cruzeiro, reúnem-se para mostrar os seus produtos e as inovações do setor. Este evento internacional é dos mais importantes na área de cruzeiros, e envolve entre quatro e cinco mil participantes, incluindo armadores e representantes de autoridades portuárias, além de cerca de 200 expositores.

Ana Paula Vitorino, Ministra do Mar, considera que com a vitória desta candidatura “Portugal afirma-se cada vez mais como player de referência mundial no setor dos cruzeiros, com todas as vantagens que a região e o país daí retiram, tanto em valor económico como em notoriedade para a cidade e o país.” Para Lídia Sequeira, Presidente da Administração Porto de Lisboa (APL), “esta vitória é o reconhecimento do trabalho que temos vindo a fazer, no setor dos Cruzeiros. A expetativa é que este evento venha a ser mais um agente dinamizador da economia deste setor”.

Há uns meses uma publicação da MEDCRUISE considerava que “Lisboa tem a localização ideal para servir de porto de ligação ou porto base para cruzeiros entre o Mediterrâneo, o Norte da Europa e as ilhas do Atlântico. Com uma ampla escolha de hotéis, um aeroporto com voos regulares para a maioria dos destinos europeus e Brasil, os voos mais curtos para a América do Norte e do Sul a partir do continente europeu, além de história, eventos culturais e pontos de lazer, Lisboa é ideal para cruzeiros em trânsito ou em operação de turnaround”. Por altura da realização da Seatrade Cruise Med, o Porto de Lisboa já terá o novo terminal de cruzeiros em pleno funcionamento, que se espera venha a ser inaugurado ainda durante o 1º semestre de 2017. O terminal será uma ferramenta importante para fazer crescer o mercado de cruzeiros na capital portuguesa, depois de em setembro passado o Porto de Lisboa ter conquistado pela segunda vez o prémio de “Melhor Porto de Cruzeiros da Europa” nos World Travel Awards. Nestes prémios internacionais a cidade de Lisboa também saiu vencedora ao receber, pela terceira vez, o prémio de “Melhor Destino de Cruzeiros da Europa”.
Ler mais/Fonte: portosdeportugal.pt

 

João de Macedo no Big Wave Tour 2017

João de Macedo no Big Wave Tour 2017Após a entrada de Frederico Morais no World Tour, João de Macedo é a mais recente adição à armada Portuguesa na elite do Surf Mundial em 2017. Com um inverno super activo, João Macedo investiu no treino e preparação para o Mundial de Ondas Grandes na Nazaré, onde alcançou um excelente 3º lugar. A noticia foi confirmada directamente pelo comissário Peter Mel, afirmando que o 9º lugar de João Macedo no ranking final do mundial de ondas grandes garante o regresso do surfista Português à Elite do surf mundial em 2017.

Unanimemente visto como o mais destacado surfista de ondas grandes em Portugal, o surfista da Praia Grande foi o primeiro surfista Português e Europeu a qualificar-se para o mundial de remada de ondas grandes em 2011, terminando no 4ª lugar na época 2012/13. Regressa agora passado 4 anos ao mundial de ondas grandes.

Em declarações, João de Macedo refere : “Acima de tudo é uma honra enorme voltar ao tour, representar Portugal a este nível é algo de sonho, quero agora voltar agora a treinar e dar o meu máximo para representar as cores de Portugal, sempre inspirado pelos meus alunos da Surf Academia e acima de tudo conseguir fazer uma excelente prestação na próxima temporada. Um grande obrigado ao EDP Mar Sem Fim pela bolsa Tour que vai dar uma forte ajuda e arranque para correr o mundial e espero agora conseguir reunir os apoios todos necessários para correr o circuito na totalidade”.

O Big Wave Tour é composto por etapas em algumas das maiores ondas do mundo dividido por dois períodos de espera (hemisfério Sul e Norte) e para 2017 estão já confirmadas as seguintes etapas:

BWT #1 – Upcoming: May 01 – Aug 31 – Pico Alto Challenge (Lima, Lima Provice, Peru)
BWT #2 – Upcoming: May 01 – Aug 31 – Puerto Escondido Challenge (Oaxaca, Mexico)
BWT #3 – Upcoming: Oct 15 – Dec 31 – Nazare Challenge (Nazare, Portugal)
BWT #4 – Upcoming: Oct 15 – Dec 31 – Pe’ahi Challenge (Maui, Hawaii, U.S.A.)
Ler mais/Fonte: portodelisboa.pt

 

 

Produtos

banner_facebook_web