Autenticação






Outubro 2010

Exposição "A Marinha na Républica"

A Marinha e a républicaNo âmbito das Comemorações do 1.º Centenário da Implantação da República, a Armada vai realizar uma exposição intitulada “A Marinha na República”.

A exposição, desenvolve-se em dois núcleos destacando o papel da Marinha na Implantação da República e das unidades navais na primeira década do século XX e salientando o papel que Marinheiros e Navios tiveram no desenrolar dos acontecimentos.

Num primeiro núcleo evoca-se a participação dos Marinheiros, abordada de forma sequencial, desde os dias que precederam o “Cinco de Outubro”. Este núcleo estará localizado nas Instalações Centrais de Marinha, que confinam com a Praça do Município, o Terreiro do Paço e o rio Tejo, na denominada Sala da Casa da Balança.

Um segundo núcleo, referente aos Navios que a Marinha possuía em 1910 e em especial aos surtos no porto de Lisboa aquando da Revolução, estará patente no Museu de Marinha.

A exposição “A Marinha na República” decorre de 1 de Outubro de 2010 até 5 de Janeiro de 2011, das 10:00 às 17:00 horas, nos locais referidos.
Ler mais/Fonte:barcoavista.blogspot.com

 

Clube Vela de Lagos, 60 anos a navegar

ClubeVelaLagos«Com o fim de Agosto chega também ao fim a época de Verão da Escola de Vela e os cursos intensivos. Este ano contámos com 34 participantes divididos por Julho e Agosto. Para muitos é uma experiência a não esquecer que leva à continuação na Escola de Vela (agora aos Sábados e Domingos). A todos agradecemos a participação. Para o ano cá estaremos outra vez à vossa espera!»

Ler mais/Fonte: caisdosul.blogspot.com

 

Agência Europeia da Segurança Marítima

AESM emsa_building_entranceAgência Europeia da Segurança Marítima (AESM) – European Maritime Safety Agency (EMSA)[1] Agência da União Europeia (EU) que visa prestar auxílio técnico e científico aos Estados-Membros e à Comissão com vista a uma aplicação correcta da legislação comunitária no domínio da segurança marítima, ao controlo da sua execução e à avaliação da sua eficácia.

Agência criada no âmbito do Regulamento Nº 1406/2002 de 27 de Junho de 2002, com o objectivo de fornecer auxílio técnico e científico à Comissão Europeia e aos Estados membros no desenvolvimento e na execução apropriada da legislação da EU no âmbito da segurança marítima e no combate à poluição. Para executar esta tarefa, a Agencia Marítima Europeia conta com a cooperação dos estados membros em todas as áreas chaves. Além do mais, a agência tem tarefas operacionais na preparação, detecção e na resposta à poluição provocada por derrames de óleo. Como um corpo da união europeia, a agência posiciona-se no cerne da rede marítima da segurança da EU e colabora com muitas entidades interessadas nesta indústria, bem como entidades públicas, em cooperação estreita com a Comissão Europeia.

A EMSA, única agência europeia sediada em território português, estava a funcionar desde Setembro de 2006 em instalações provisórias, no Parque das Nações, e passa agora a partilhar um edifício completamente novo no Cais do Sodré com o Observatório Europeu de Droga e Toxicodependência (OEDT) e o Centro de Informação Jacques Delors (CIEJD). A obra está orçada em 24,36 milhões de euros. A Agência Europeia da Segurança Marítima nasceu da Directiva Europeia 1406/2002, integrada no chamado "Pacote Erika II" sobre a segurança marítima na Europa, após os desastres ambientais causados pelo derramamento de crude pelos petroleiros "Erika" em Dezembro de 1999, no Golfo de Biscaia, Norte de Espanha, e pelo naufrágio do "Prestige", em 2002, ao largo da Galiza.
Ler mais/Fonte: salvador-nautico.blogspot.com

 

Mar prioridade nacional

CAVACO SILVANa sua intervenção durante o Congresso “Portos e Transportes Marítimos”, que se realizou no passado dia 21 de Setembro, em Lisboa, o Presidente da República, Cavaco Silva, voltou a afirmar que “o mar deve tornar-se uma verdadeira prioridade da agenda nacional”. No seu discurso, Cavaco Silva referiu que “um país que não consegue explorar sustentavelmente os seus recursos naturais é um país que tem um futuro limitado e que se arrisca a acabar por ver esses recursos serem explorados por terceiros. Acontece que é bem nítida a deficiente exploração económica que fazemos deste valioso recurso que é o mar, pelo menos quando nos deparamos com os demais países costeiros”. O Presidente da República defendeu ainda que é necessário abrir rumos que permitam a exploração cabal dos recursos marítimos, e que isso só será possível através de políticas públicas destinadas a fomentar o investimento privado nos sectores marítimos e “a tornar esses sectores competitivos com os seus homólogos europeus; com novos investimentos no cluster marítimo; com a incorporação de mais investigação, tecnologia e inovação; com a criação dos necessários factores de organização e de gestão incluindo a formação de recursos humanos adequados”.

Por outro lado, o Presidente da República salientou que “é importante que não fiquemos a olhar uns para os outros para ver quem começa” e que cabe aos agentes do sector “não ficarem à espera do que o Governo vá fazer ou não fazer”. Cavaco Silva mostrou-se também preocupado pelo estado da actual frota nacional de marinha mercante e disse que o transporte marítimo pode e deve ser, no futuro, uma alternativa viável ao transporte rodoviário, mas que para tal aconteça é necessário tomar as medidas necessárias para o promover, adoptando pelo menos as medidas fiscais similares aos demais países costeiros. Apesar de reconhecer que o actual estado do sector portuário nacional é bastante melhor que o dos transportes marítimos, Cavaco Silva não deixou de dizer que ainda existe muito trabalho por fazer neste domínio e que convém não esquecer que os portos portugueses têm vivido problemas crónicos de organização e competitividade. Para Cavaco “espanta a muitos, dada a importância estratégica dos nossos portos, que possamos discutir meses e anos a fios o TGV ou o novo aeroporto de Lisboa sem que paremos um pouco para pensar nos portos do futuro”.
Ler mais/Fonte: joseantoniomodesto.blogspot.com

Produtos

banner_facebook_web